PRODUTOS LUCENA - (84) 3207-8079

PRODUTOS LUCENA - (84) 3207-8079
MAIS QUALIDADE DE VIDA PARA VOCÊ

NETFULL - POÇO BRANCO - RN

NETFULL - POÇO BRANCO - RN

Alvamar Adenium Rosas do Deserto

Alvamar Adenium Rosas do Deserto

JR VARIEDADES

JR VARIEDADES
AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO E COM O MELHOR PREÇO

17 de abr de 2018

NATAL: JOVEM FUNCIONÁRIO DE RESTAURANTE MORTO POR BALA PERDIDA,.AJUDAVA MÃE E SONHAVA COM FACULDADE


Do Portal no Ar - Domingo, 15 de abril. Nessa data mais um inocente perdeu a vida em meio à guerra entre facções criminosas que assola o Rio Grande do Norte. A vítima da vez foi Anderson Felipe da Silva, de 21 anos, atingido por bala perdida no local onde trabalhava, o restaurante Barramar, em Areia Preta, na zona leste de Natal. Na mesma ocorrência, um homem apontado como chefe de um grupo criminoso foi morto por rivais.

Os homicídios aconteceram à luz do dia. Jussiê José da Silva, o Siê, de 22 anos, era – conforme informação apurada e repassada pela Polícia Militar – integrante da facção Sindicato do Crime do RN. Ele foi o primeiro a morrer. Almoçava no Farol Bar, vizinho ao Barramar, quando um casal entrou no estabelecimento e o executou a tiros. De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança Pública e da Defesa Social, a Sesed, quando se viram cercados, os assassinos começaram a atirar contra os policiais militares. Os disparos feitos a esmo atingiram o cozinheiro que, possivelmente, tentava entender o que se passava no estabelecimento vizinho ao que ele trabalhava.

Felipe da Silva foi baleado no abdômen. Em estado grave, ele chegou a ser levado, por populares, ao Complexo Hospitalar Monsenhor Walfredo Gurgel. Pouco antes das 16 horas, a Polícia Militar informou que o jovem não havia resistido.

“Logo você, um rapaz tão honesto, sendo vítima da maldade desse mundo cruel! Saiu para trabalhar e não voltou. Como vai ser chegar na casa de tia e não te ver, meu anjinho?”, escreveu uma prima de Felipe da Silva, em uma rede social. O jovem ajudava a mãe dele com o salário que recebia.

Os assassinos


Policiais da Companhia Independente de Policiamento Turístico conseguiram, em meio ao fogo cruzado, prender Jeová do Nascimento Silva, de 26 anos. Ele é chamado de ‘Anjo Gabriel’ pelo Primeiro Comando da Capital, o PCC, facção inimiga do Sindicato do Crime do RN, ao qual Siê era ligado. O homicida era foragido da Justiça. Deveria estar preso por outro homicídio, mas solto, nas ruas, fez mais vítimas.

A esposa de Jeová Silva, Ayanne Ribeiro dos Anjos, de 24 anos, também foi presa. Com o casal, a Polícia Militar apreendeu a arma que matou o rival do crime como também o inocente. O armamento era uma pistola 9 mm, de fabricação turca e numeração raspada.

O sepultamento do jovem Anderson Felipe da Silva está marcado para a tarde desta segunda-feira, 16. Ele tinha o sonho de cursar Gastronomia para melhor se qualificar no mercado de trabalho.

Postagens populares